Acesse a Área Exclusiva dos Pacientes Amai

Estomatite: Um mal frequente em bebês e crianças

Publicado em: 15/05/2010

Última atualização em: 17/05/2011

Categorias: Pediatria, Prevenção

Autor: Doutor Moises

Se amidalite é uma inflamação nas amídalas, se rinite é no nariz e se bronquite é nos brônquios, então estomatite só pode ser do estômago. Certo?

Nananinanão. Está Errado!

Estomatite é uma inflamação da boca. (Stoma, em grego, quer dizer boca).

A estomatite é um quadro provocado normalmente por um vírus (Herpes simples – HSV-1 – ou pelo Coxsakie, causador de um quadro conhecido, atualmente, por freqüentadores de pronto-socorros pediátricos, como Síndrome mão-pé-boca).

Apesar de atingir pessoas de ambos os sexos e de qualquer idade, é na criança que seus sintomas são mais sentidos, porque causam febre, irritabilidade e falta de apetite, gerando enormes preocupações em seus pais, não é mesmo?

Esse é um quadro relativamente comum, de diagnóstico relativamente simples, com tratamento relativamente ineficaz.

Dois a cinco dias após o contato (incubação) com outro alguém com esse quadro (através de pele ou mucosas). Começam alguns sintomas gerais como:

Aí começa o tormento!

Aparecem bolhas ou feridas (aftas), na boca (gengiva, língua, dentro das bochechas, céu da boca e garganta), de até meio centímetro de tamanho, algumas vezes numerosas, muito dolorosas, algumas vezes sangrando, que causam a agravação dos sintomas anteriores com mais mau hálito e até aparecimento de gânglios no pescoço.

Esse quadro pode levar de uma semana até 10 dias para sua total recuperação, se não houver complicações. Não é raro, esse quadro se repetir algumas vezes durante a vida de quem teve essa primeira infecção.

O tratamento da estomatite leva mais em conta os sintomas gerais

Três orientações devem ser sempre lembradas

Agora mais dicas práticas e específicas:

A homeopatia é uma terapêutica que busca tratar o paciente de forma global, holística, e não apenas sua estomatite ou sua asma ou sua insônia, ou seja, seus sintomas. Nós sabemos que em nosso corpo nada acontece por acaso ou de uma forma isolada. Assim, ou aprendemos a conhecer nosso paciente como um todo, prestamos atenção nas suas formas de adoecimento, nas suas tendências e o tratamos assim, ou poderemos ter surpresas que nos farão medicá-lo com muito mais freqüência e até necessidade.

Escrito pelo: Dr. Yechiel Moises Chencinski
www.doutormoises.com.br

Como consideramos esgotados todos os pontos a respeito de estomatite, se após ler a todos os comentários você ainda tiver dúvidas, por favor, consulte um médico ou dentista homeopata, para esclarecimento individual.

Veja também os temas:

132 Comentários:

  1. Rafaella Silva disse:

    Olá Doutora,
    minha filha tem 1ano e 1 mês,e foi detectado estomatite na quarta feira passada,ele teve febre alta,algumas feridas na garganta, mais hoje, ele voltou a ter febre e não quer comer nada,só que não apresenta feridas…Gostaria de saber o que devo fazer pra que ela possa comer alguma coisa?
    Desde já agradeço a atenção.
    Rafaella

  2. É normal o sangramento no nariz do bebe de 1e4meses com estomatite

  3. Juliana disse:

    oii dr…
    entao levei o meu filho no medico ontem e ele falo q é estomatiti.. mais achei estranho pq saiu feridinhas iguais as da boca em algumas parte do corpo..
    e ele tem muita febre..
    estomatite tbm rege no corpo???

  4. Millene disse:

    Minha filha tem 2 anos e está com estomatite. porém, tem se queixado de dor abdominal e as vezes apresenta vômito. esses sintomas podem estar associados à estomatite

  5. JOCELICE ANDRADE disse:

    Recebi aqui uma das mais completas sobre o quadro de estomatite. Parabéns!!!!

  6. suzane disse:

    dra carmem, minha filha apareceu ontem com umas feridas na boca nao sei se foi febre interna ou estomatite o que devo fazer porque o medico dela nao pode atende-la.e a santa casa da minha cidade nao tem pediatra 24 horas me ajude
    desde de ja obrigada

    • Dr Moises disse:

      Suzane, infelizmente para dar medicamentos é necessário que ele seja examinado.
      Essas feridas podem ser de estomatite e requerem um cuidado especial na hidratação.
      Procure um pediatra assim que puder.
      Dr. Moises Chencinski

  7. KAmila disse:

    OLá, meu bebe de oito meses teve estomatite, tratei com daktarim e borax ch30, agora meu filho de quatro anos está com umas feridas parecidas mas só na parte interna dos lábios, não no céu da boca e nas bochechas.Será a mesma coisa???Posso usar a mesma homeopatia?

    • Doutora Carmem disse:

      Kamila,
      Não sei se é a manifestação da mesma doença.
      Seria muito irresponsável de minha parte pedir para você repetir a medicação, pois cada caso é um caso.
      Avalie seu segundo filho com o profissional, pois assim vocês ficarão mais bem servidos!!!
      Boa sorte, e obrigada pelo contato,
      Dra. Carmem Silvia.

  8. juliana disse:

    Oi
    minha filha tem 2 anos 2 meses
    e esta com estomatite desde dia 26/05
    esta com febre alta não come nada nem agua ela quer beber
    passei ela na medica a medica me receitou somente dipirona pra febe e disse q se não passa-se a febre ate domingo era pra mim levar ela em um pronto socorro hoje eh sabado e ela ainda continua com febre.
    o que devo fazer?

    • Doutora Carmem disse:

      Juliana,
      Já pensou em consultar um odontopediatra que trate com homeopatia?
      Em minha opinião, seria a melhor e mais rápida opção.
      Dra. Carmem Silvia.

  9. Viviane Rocha disse:

    Dr. tenho um filho de 1 ano e 6 meses e vira e mexe ele tem estomatite, mas agora esse vez foi mais forte, algumas aftas na boca e gengiva mas a prejudicial agora foi a garganta, levei ao pediatra ontem e ela passou Hexomedine, dentre os fatores ela citou todos acima falados mas o faz essa constante estomatite aparecer? É comum isso ocorrer com frequencia? o q fazr pra isso ñ ocorer frequentimente ?
    Obrigado, Viviane.

    • Doutora Carmem disse:

      Viviane,
      Boa resistência e higiene bem orientadas, ajudam.
      Você já pensou em acompanhar seu bebê com odontopediatra que trabalhe com homeopatia ou Antroposofia?
      Pode ser uma boa alternativa. Quanto mais “forte” você conseguir mantê-lo, menos chance dele ficar doente.
      Boa Sorte,
      Dra. Carmem Silvia.

  10. joyce disse:

    boa noite dra.
    minha filha tem 1ano e um mes e tem um historico de refluxo quando recen-nascida e desde entao sua lingua fica branca de leite e recentemente saiu umas bolinhas bracas em seus labios e foi diagnsticado estomatite.minha duvida é se essa lingua exbranquisada sempre foi um sinal dessa infeccao ou se é uma sequela do refloxo
    obrigado Joyce

    • Doutora Carmem disse:

      Joyce,
      A língua esbranquiçada, de acordo com a medicina oriental, denota que alguma coisa não anda bem com a digestão.
      Medicamentos Antroposóficos podem ajudá-la bastante.
      Quando você passar com odontopediatra na consulta para a cura da estomatite, o quadro deverá ser avaliado como um todo, e isso inclusive será levado em consideração.
      Boa sorte,
      Dra. Carmem.

  11. maria helena disse:

    A minha filha tem 2anos e cinco meses, foi p/ a escolinha e voltou com febre (+ de 38), mais dois dias começou com dor de garganta e ouvido, e depois a gengivas inflamadas e sangrando e ligua feridas. procurei os médicos e está tomando; dipirona, cefaclor, hexomedine, nistatina e polaradex(dexclorfeniramina, a garganta melhorou um pouco, mais a boca não vejo melhoras. E todos estão falando que a culpa é minha, q/ n/ sei cuidar da minha filha.

    • Doutora Carmem disse:

      Maria Helena,
      Se você não recebeu orientação específica para cuidar desse quadro, como poderia saber? Realmente, ninguém nasce sabendo!!
      Você já pensou em consultar um médico ou odontopediatra com essa formação?
      Aí, o quadro tem que ser examinado e a criança medicada. Os cuidados locais também são de grande ajuda.
      Boa sorte,
      Dra. Carmem.

  12. rannuska disse:

    fui ontem ao pedriatra e ela receitou nistatina,violeta geminiana,e complexo b,outro medico receitou cefalefina, nistatina qual dos dois ta certo? tou desesperada sem saber o que fazer pq as feridas so aumentam me ajude pelo amor de deus.

    • Doutora Carmem disse:

      Rannuska,
      Como você pede ajuda urgente, eu te digo que pela minha experiência, a cura mais rápida é através da Homeopatia e Antroposofia.
      Você já pensou em consultar um médico ou odontopediatra com essa formação?
      Aí, o quadro tem que ser examinado e a criança medicada. Os cuidados locais também são de grande ajuda.
      Boa sorte,
      Dra. Carmem.

Clínica Amai: Fone: (11) 3284 5162 • contato@clinicaamai.com.br
R Itapeva, nº 500 - cj. 7A • São Paulo - Próx. a Avenida Paulista (mapa)